Ho'oponopono, limpeza de memórias e perdão

Como é sentir o peso de um rancor, de mágoas do passado, da tristeza, raiva, por algo ou alguém? Você tem em sua vida alguma lembrança que sempre que é visitada traz um nó na garganta, um aperto no peito, uma sensação ruim no estômago, e as emoções afloram?

Certamente, trazemos algumas dessas lembranças, ou várias delas. E como é difícil ter que lidar com o passado quando ele parece tão presente, e insiste em estar próximo de nós de uma forma tão negativa!

Ficamos presos àquele momento em que nos sentimos feridos, é como a cena de um filme que assistimos dezenas de vezes… e estamos tão acostumados com a mesma cena se repetindo e não percebemos a influência dessas emoções em nossas vidas.


A única forma de se libertar disso é alcançando o perdão!


E o perdão verdadeiro é o que te liberta de emoções negativas ligadas ao passado, mantendo-o preso à essas crenças limitantes que impedem o seu crescimento. E nada tem haver com falta de responsabilidade, de aceitar o erro do outro, esquecer lembranças.

As lembranças jamais serão esquecidas, mas serão perdoadas quando você perceber que, ao trazer essas lembranças, não estarão carregadas de uma emoção negativa: raiva, tristeza, mágoa, culpa... serão apenas lembranças!


E para alcançar esse perdão mais rápido, apresento a técnica Ho’oponopono!


Esse nome complicado, Ho’oponopono, significa, em tradução para o português, algo como “tornar certo” ou “corrigir um erro”.

É um método de cura hawaiano e é voltado para resolver conflitos internos e entre pessoas, causadas por memórias do subconsciente acumuladas ao longo da existência humana, corrigindo a interpretação que demos a elas.

“Sinto muito, por favor me perdoe, eu te amo, sou grato!”

Apenas essas palavras têm o poder de curar. Quando peço perdão, eu não me direciono a uma pessoa, mas, ao Criador, à fonte do Amor, e peço que transmute toda negatividade que existe em mim, todo pensamento, emoções de dor, mágoa, tristeza, raiva, que tenha contribuído com o que acontece de negativo.

Diga apenas essas palavras:

• “Eu sinto muito, por favor me perdoe, eu te amo, sou grato!”

Sempre que você tiver uma lembrança ruim de alguém ou de algo que te aconteceu, quando alguém ofender você, se você tem reclamado da sua vida, se nada na sua vida dá certo, apenas repita mentalmente…

• Eu sinto muito, por favor me perdoe, eu te amo, sou grato!”

Pense no mal que você fez a si próprio, em momentos que você prejudicou outras pessoas, atitudes erradas, pensamentos que te levaram à obsessões, sentimentos de vingança, ódio, rancor, e apenas repita mentalmente…

• “Eu sinto muito, por favor me perdoe, eu te amo, sou grato!”

Assim, com essas palavras, você vai limpando as suas memórias de dor que te seguram na culpa, no medo, na raiva, na mágoa; e quando você se liberta, os pensamentos compulsivos cessam, a sua angústia diante da vida dá lugar à clareza mental para tomar as decisões que precisa tomar, e mudar o que precisa mudar!

** indico o livro Limite Zero de Joe Vitale e Ihaleakala Hew Len – além de conhecer melhor sobre o Hoóponopono, você terá novas percepções que o auxiliará a alcançar uma vida mais leve.


• Oração Original por Morrnah Namalaku Simeona •

Divino Criador, Pai, Mãe, filho – todos em um.

Se eu, minha família, os meus parentes e antepassados ofendemos Sua família, parentes e antepassados em pensamentos, fatos ou ações, desde o início de nossa criação até o presente, nos pedimos o Seu perdão. Deixe que isto se limpe, purifique, libere e corte todas as memórias, bloqueios, energias e vibrações negativas. Transmute essas energias indesejáveis em pura LUZ. E assim é.

Para limpar o meu subconsciente de toda a carga emocional armazenada nele, digo uma e outra vez durante o meu dia as palavras-chave do Ho’oponopono.


EU SINTO MUITO, ME PERDOE, EU TE AMO, SOU GRATO.


Declaro-me em paz com todas as pessoas da Terra e com quem tenho dívidas pendentes. Por esse instante e em seu tempo, por tudo o que não me agrada de minha vida presente


EU SINTO MUITO, ME PERDOE, EU TE AMO, SOU GRATO.


Eu libero todos aqueles de quem eu acredito estar recebendo danos e maus tratos, porque simplesmente me devolvem o que eu fiz a eles antes, em alguma vida passada.


EU SINTO MUITO, ME PERDOE, EU TE AMO, SOU GRATO.


Ainda que me seja difícil perdoar alguém, sou eu quem pede perdão a esse alguém agora, por este instante, em todo o tempo, por tudo o que não me agrada em minha vida presente.


EU SINTO MUITO, ME PERDOE, EU TE AMO, SOU GRATO.


Por este espaço sagrado que habito dia-a-dia e com o qual não me sinto confortável.


EU SINTO MUITO, ME PERDOE, EU TE AMO, SOU GRATO.


Pelas difíceis relações das quais guardo somente lembranças ruins.


EU SINTO MUITO, ME PERDOE, EU TE AMO, SOU GRATO.


Por tudo o que não me agrada na minha vida presente, na minha vida passada, no meu trabalho e o que está ao meu redor, Divindade, limpa em mim o que está contribuindo com minha escassez.


EU SINTO MUITO, ME PERDOE, EU TE AMO, SOU GRATO.


Se meu corpo físico experimenta ansiedade, preocupação, culpa, medo, tristeza, dor, pronuncio e penso: Minhas memórias, eu te amo! Estou agradecido pela oportunidade de libertar vocês e a mim.


EU SINTO MUITO, ME PERDOE, EU TE AMO, SOU GRATO.


Neste momento, afirmo que TE AMO. Penso na minha saúde emocional e na de todos os meus seres amados… TE AMO.

Para minhas necessidades e para aprender a esperar sem ansiedade, sem medo, reconheço as minhas memórias aqui neste momento.



SINTO MUITO, TE AMO.

Instituto Afrodite•Se - Rua Pereira Stéfano, 114 conj 1205 - Saúde - São Paulo/SP
© 2018 por Van Hamazaki. Fotos: Mari Marques. Todos direitos reservados.